Que despesas posso deduzir no arrendamento?

Este vídeo é dedicado ao caso do Nuno, que pretende saber como pode pagar o mínimo de impostos possível, apesar...

 

history-facebook.jpg

Na 2ª edição, para além das atualizações decorrentes de alterações legais, foram adicionadas várias matérias que não tinham sido abordadas na 1ª edição (por exemplo, a transparência fiscal, o regime fiscal especial na revenda aplicável às empresas, ou o reinvestimento que pode reduzir o IRC em 50% sobre uma mais-valia). Simultaneamente, temos agora 21 Casos Práticos (na 1ª Edição eram 16). Para além de atualizar os que se mantém, adicionei 6 casos completamente novos!

Saber mais


Confira aqui a minha análise fiscal ao recentemente publicado Orçamento do Estado para este ano de 2021...
Se é investidor imobiliário, existem alguns pontos importantes que deve ter em conta, relativamente aos impostos...

Que despesas posso deduzir no arrendamento tradicional?

Muitos investidores imobiliários gostam de ter uma perspetiva a longo prazo dos seus negócios, sendo que alguns preferem optar pelo arrendamento , ao invés do habitual alojamento turístico. Para além disso, nos tempos difíceis para o turismo que atravessamos, o arrendamento é claramente uma opção em ter em conta para os imóveis em AL que estão a “sofrer” uma diminuição drástica da procura. 

Assim, saber que despesas pode deduzir no arrendamento, é um ponto fulcral para que se possa pagar o mínimo de impostos possível.

Venho desta feita partilhar consigo o vídeo integral do caso prático nº13 do meu livro “Como poupar em impostos no imobiliário”, que procura precisamente ajudá-lo a tirar o máximo rendimento dos seus investimentos.

O vídeo é dedicado ao caso do Nuno, um habitual investidor no mercado de capitais, mas que neste momento está decidido em experimentar o mercado imobiliário. O Nuno é muito organizado e metódico! Já tem um imóvel identificado para aquisição, e até já quantificou as despesas e receitas previstas para arrendar o mesmo.

Agora, o Nuno pediu-nos apoio em termos fiscais, pois pretende saber como pode minimizar a sua “fatura fiscal", considerando o rendimento extra com o novo arrendamento.

Vamos então ajudar o nosso investidor?! Confira aqui o vídeo e, caso tenha alguma dúvida relativa ao seu caso específico, já sabe, envie-me a sua questão.

Se ainda não adquiriu o livro, basta aceder a este link! Ao fazê-lo terá acesso exclusivo a importantes dicas de poupança fiscal, mas também acesso integral a todos os vídeos explicativos dos 16 casos práticos!

Até breve, e bons investimentos!

Voltar...

Subscrição

Subscreva a nossa newsletter e fique a par de novos lançamentos.

A 2ª Edição do Livro "Como poupar em impostos no imobiliário" já está disponível!